Set upon the rood
Entre o início e o presente, com sotaque escocês


Set upon the rood

Set upon the rood: new music for choir & ancient instruments

J. MacMillan; J. Kenny; S. MacRae; B. Taylor; F. Grier; S. Wishart; S. Bick.

Choir of Gonville & Caius College; Geoffrey Webber; B. Brown; B. Taylor; J. Kenny; P. Kenny.

Delphian
DCD34154

2017 / CD


No seio do imenso rol de desafios que se apresentam ao mercado da edição discográfica na actualidade, e a uma escala internacional, são cada vez mais comuns as importantes e regeneradoras respostas vindas da fusão crescente entre a música prática e a musicologia, entre o conhecimento histórico e a prática contemporânea.
É nesse espectro que se enquadra esta nova edição da Dephian Records (etiqueta sediada em Edimburgo, galardoada em 2014 com o prestigiante “Gramophone Label of the Year”), que dá continuidade ao resultado performativo do trabalho de investigadores, compositores e intérpretes associados ao European Music Archaeology Project, onde organologia e composição contemporânea se fundem de forma única.
Na verdade, este tipo de abordagem não é uma novidade. São já alguns os projectos discográficos de música contemporânea composta para instrumentos históricos, antigos, que de há alguns anos a esta parte têm vindo a suceder pela Europa, nomeadamente em Portugal – destacam-se neste particular duas edições do MPMP (Movimento Patrimonial pela Música Portuguesa) intituladas Música nova para instrumentos antigos, ao cargo do Borealis Ensemble.

Set Upon the Rood reúne um programa de obras corais de compositores de três gerações diferentes da música britânica do último meio século: James MacMillan (1959-), John Kenny (1957-), Bill Taylor (1957-), Francis Grier (1955-), Stevie Wishart (1959-), Stuart MacRae (1976-) e Stephen Bick (1993-).
A instrumentação escolhida nas diferentes obras gera, em certos momentos, o encontro entre instrumentos provenientes, na sua mais antiga forma, das civilizações avançadas (Grécia Antiga, Império Romano, Império Bizantino, entre outros centros proeminentes da antiguidade), como o aulos, os crotalos ou a lira, a par com a presença pontual do órgão (faixas 1 e 11), nomeadamente em contraponto com os instrumentos da antiguidade.
O Choir of Gonville & Caius College, Cambridge, sob a direcção de Geoffrey Webber assume interpretações de grande qualidade, partilhadas com um leque alargado de solistas vocais e instrumentais - entre estes encontram-se muitos dos principais líderes deste projecto multidisciplinar, incluindo dois dos compositores de duas das obras em programa: Bill Taylor e John Kenny.
Na sua maior parte os textos escolhidos encontram-se em latim, excepto em Cantata de Stuart MacRae e Set upon the Rood de Stephen Bick, ambas em língua inglesa. E aí, nos textos escolhidos, também a relação com a história assume um papel capital no repertório aqui gravado. Os textos, pré-existentes e maioritariamente de carácter religioso, remontam a autores conhecidos ou anónimos que perpassam a história desde o século VI ao final do século XVII.
Entre as diferentes e distintas abordagens criativas presentes nas obras em programa sobressai o cuidado transversal a todos os compositores pela exploração tímbrica dos instrumentos antigos utilizados, criando uma elevada unidade com o coro.

De extensão e características evidentemente variáveis consoante as diferentes linhas estéticas das composições, o resultado musical é, no mínimo, interessante! A música é de grande qualidade, especificamente escrita no âmbito deste projecto, e a novidade sonora e tímbrica conseguida entre a simbiose do instrumentário antigo e da escrita contemporânea é surpreendente.

+ info: http://delphianrecords.co.uk

 

Tiago Manuel da Hora

Tiago Manuel da Hora

Produtor e Musicólogo, autor de várias publicações, rubricas e argumentos para espetáculos musicais. Com uma intensa actividade no ramo da produção discográfica, assinando edições nacionais e internacionais, tem sido também responsável pela criação, direcção artística e produção de diversos concertos e espetáculos. É investigador do INET-MD da Universidade Nova de Lisboa, onde dedica as suas atenções ao estudo da produção discográfica.

Artway
APORFEST - Associação Portuguesa Festivais Música
Fnac
Bilheteira Online