Artigos com as tags: Estágio

Estágio Gulbenkian para Orquestra | Direção: Joana Carneiro

Concerto no Grande Auditório será no dia 24 de julho e terá entrada livre. Depois vem a digressão nacional que passa por Marvão, Santa Maria da Feira, Coimbra e Aveiro.

JOANA CARNEIRO MAESTRINAVem aí a terceira edição do Estágio Gulbenkian para Orquestra. Sob a direção artística da maestrina Joana Carneiro este estágio é um projeto que pretende promover a experiência orquestral ao mais elevado nível técnico e artístico entre os jovens instrumentistas portugueses ou residentes em Portugal. Ambiciona-se portanto facilitar a transição entre a fase final da vida académica e a entrada no universo das orquestras profissionais.

«Cerca de oitenta jovens músicos de excecional talento, com idades compreendidas entre os 17 e os 26 anos, foram escolhidos através de rigorosas provas de seleção realizadas em diversos locais do País, preparando obras do repertório sinfónico sob a orientação de tutores especializados na prática orquestral, maioritariamente oriundos da Orquestra Gulbenkian, e de maestros com vasta experiência neste domínio».

Concertos no âmbito do Estágio 2015:

Lisboa | Grande Auditório da Fundação Gulbenkian (24 julho)

Marvão | Ruínas Romanas de Ammaia (25 julho)

Santa Maria da Feira | Europarque (26 julho)

Coimbra | Quinta das Lágrimas (27 julho)

Aveiro | Teatro Aveirense (28 julho)

Joana Carneiro respondeu às questões do XpressingMusic em janeiro de 2014 numa entrevista que poderá ler AQUI.

Estágio de Verão “Sons Ibéricos” | Zarzuelas e Piazzolla no Cartaxo

Organizado pela New Vibrations, o Estágio de Verão “Sons Ibéricos” irá levar animação ao Centro Cultural do Cartaxo. Durante uma semana, os participantes irão trabalhar num estágio de verão que promete ser exigente.

estagio verao musicaEntre 18 e 26 de julho o Estágio de Verão vai contar com um maestro Jose Francisco Sanchez, maestro principal da Orquestra Sinfónica de Torrevieja e ainda com diversos professores vindos do país vizinho, como Victor Manuel Anton (violino).

Da Rússia, chegará a soprano Olga Arbenina, que se ocupará do coro.

Com o intuito de proporcionar aos jovens o contacto com realidades diferentes, aposta-se em professores com experiências musicais diversificadas. Neste sentido, o professor de violoncelo será Válter Freitas que, apesar da sua formação clássica, toca regularmente com grupos e artistas portugueses de renome internacional (Moonspell, Corvos ou Carlos do Carmo).

«A New Vibrations orgulha-se do percurso dos "seus" jovens e, nesse sentido, reconhece e acarinha o trabalho que vêm desenvolvendo. É por isso que o responsável pela percussão é Diogo Gomes, um jovem que deu os primeiros passos "à séria" connosco, e que hoje é reconhecido como uma das jovens promessas no panorama musical português. Ainda que jovem, tem já um extenso curriculum internacional, contando com participações com a Welsh National Orchestra (País de Gales), Nieuw Ensemble (Holanda), ou Tongwynlais Temperance Brass Band (País de Gales)».

O Diretor Artístico do Festival é Pedro Carneiro, violinista que estudou no Conservatório Tchaikovsky, em Kiev.

As obras escolhidas são Zarzuelas e "As quatro estações portenhas" para violino e orquestra, de Piazzolla.

As noites serão preenchidas com workshops com o objetivo de, de uma maneira mais informal, falar sobre algumas realidades com que terão que lidar no futuro enquanto músicos. Serão abordados temas como a rejeição, as candidaturas, o andar com "a casa às costas", etc.

Haverá ainda lugar para a participação de Luthiers, que irão falar da construção de instrumentos ou da pertinência dos instrumentos "feitos à medida".

As noites também estarão abertas à criatividade dos jovens, que aqui poderão apresentar, quiçá, projectos que desenvolvam individualmente ou com outros músicos.

Sendo o tango e Zarzuelas aquilo de que se fala, serão também abordadas as danças de salão, que ficarão a cargo dos professores Joel Marques e Sara Lourenço, um dos pares da selecção nacional portuguesa de Danças de Salão.

As inscrições para o Estágio de Verão "Sons Ibéricos" já estão abertas.

3º Estágio Nacional de Orquestra de Sopros de Silvalde e Workshop de Composição com David Maslanka

Entre os dias 27 a 31 de julho de 2015, irá realizar-se na vila de Silvalde, Espinho, o 3º Estágio Nacional de Orquestra de Sopros de Silvalde | Inscrições - Informações

3 ESTAGIO SILVADEEste ano o mote assenta no título "Great Americans", sendo interpretadas obras de David Maslanka e Leonard Bernstein.

O maestro Filipe Fonseca orientará o estágio sendo auxiliado pelos professores Joana Vieira e José Pedro Gonçalinho nas madeiras, Ricardo Matos e Mauro Simões nos metais e Ricardo Frade na percussão.

Estará ainda presente nesta edição o compositor norte-americano David Maslanka que trabalhará com a orquestra do Enos Silvalde a sua obra e orientará o I Workshop de composição musical, que se realizará entre os dias 27 e 29 de julho, no auditório do FACE (Fórum de Arte e Cultura de Espinho).

As inscrições estarão abertas a partir do dia 15 de maio, e poderão ser realizadas no site oficial. O prazo para as inscrições termina a 25 de junho.

A vila de Silvalde volta então a receber mais uma edição do Estágio Silvalde. Esperam-se cinco dias de muita diversão, muita música e abundante partilha entre todos aqueles que se inscreverem. Durante os 5 dias de estágio será trabalhada a 8º Sinfonia, de David Maslanka, que estará em Portugal pela primeira vez para ministrar um workshop de composição musical.

Haverá ainda tempo para 2 concertos finais, nos dias 30 e 31 de julho de 2015, em Espinho e noutro local a definir. O Estágio Silvalde é uma produção da Banda Musical São Tiago Silvalde, e conta com o apoio da Camara Municipal de Espinho, Junta de Freguesia de Silvalde, Paróquia de Silvalde, empresa Cardoso e Conceição, Prismoptica, Azevedo Brandão e associados e SPRS arquitetura.

Artway
APORFEST - Associação Portuguesa Festivais Música
Fnac
Bilheteira Online